Testo


"Permaneçam unos com a vossa Essência Espiritual.
Somente Ela, poderá mostrar-lhes os novos rumos a serem seguidos por cada um!"

Bem Vindos ao Portal Arco Íris - Confederação Intergaláctica

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

AS CONSTELAÇÕES-Constelação do Boieiro-Estrela Arcturus




CONHECENDO AS CONSTELAÇÕES-Constelação do Boieiro-Estrela Arcturus


  Arcturus, também conhecida como Arcturo ou Arturo, é a estrela alfa da constelação do Boieiro. Arcturus é a estrela mais brilhante da sua constelação e a quarta mais brilhante de todo o céu noturno, vista a partir de um observador na Terra.

Homero refere-se a ela na Odisséia.

O seu lento movimento na abóbada celeste, de este para oeste, deve ter sugerido aos antigos a idéia de um calmo e contemplador pastor, um ceifeiro, um condutor de rebanhos… pois o Boieiro recebeu todos estes nomes. Cerca de 3000 anos a.C., na importante etapa do desenvolvimento da astronomia pré-helênica, o Boieiro era uma constelação circumpolar, visível toda a noite muito próximo de Tubã, a estrela polar desse tempo. Assim, afigurar-se-ia com mais realismo a ideia de que perseguia a Ursa Maior, então chamada carro ou charrua (a palavra Bootis deriva do sumério Riv-but-sane, o homem que conduz o Grande Carro). Com os romanos, ele guardava as 7 estrelas do norte, as Septem Triones.O nome Arcturus vem do grego arctos oura isto é “na cauda”, mas os gregos também chamavam à constelação de Arctophylax, o guardião da Ursa, como podemos ler em “O Trabalho e os Dias”, de Hesíodo (séc. VI a.C.). Num dos mitos é Atlas, pois, próximo do Pólo, é suposto sustentar o mundo. É também Arcas, o filho de Calisto, a bela ninfa metamorfoseada em ursa por ciúmes de Juno.

Noutra lenda grega representa Icário, a quem, devido à sua equidade e justiça, Dionísio escolheu para ensinar à humanidade a arte de fazer o vinho. Foi ele que utilizou um odre feito de pele de cabra para o transportar (segundo Eratóstenes, foi à volta de um odre de vinho “que pela 1a vez os homens dançaram”). Para obedecer ao deus, Icário viajou até à Ática e deu a provar a nova bebida a vários pastores. Estes embriagaram-se e, julgando terem sido envenenados, assassinaram-no. Sua filha Erigona, esperou-o em vão; foi o seu fiel cão, Maera, que a conduziu ao local onde o tinham enterrado. Erigona não resistiu ao desgosto: enforcou-se no pinheiro por baixo da qual jazia seu pai. Dionísio, apiedado, transformou-os em estrelas: Icário no Boieiro, Erigona naVirgem e Maera em Procion. Nas cerimónias das vindimas, participando do culto de Dionísio, Icário, Erigona e Maera, eram adorados com libações.

Arcturus, era para os gregos, e mais tarde para os romanos, um sinal de mau tempo. “Terrível quando nasço, ainda sou mais terrivel quando desapareço”, diz o próprio Arcturus numa peça teatral de Plauto (séc.I d.C.). Conta Demóstenes, o grande orador ateniense que, em 341 a.C., uma certa importância em dinheiro fora emprestada a 22%, sobre os valores de um barco que faria a viagem de Atenas para a Crimeia, mas, dizia o contrato, essa percentagem subiria para 30% se o navio não regressasse “antes de Arcturus”, isto é, antes do seu nascimento helíaco (à volta de meados de Setembro), pois esta estrela anunciava tempestades.

O brilho vivo e a cor avermelhada de Arcturus sempre atrairam os olhares e tornam esta estrela visível mesmo aos clarões da aurora, fato já notado por Homero. Aliás foi a 1a estrela a ser vista de dia com a ajuda de um telescópio, no ano de 1635, pelo astrónomo e astrólogo francês, Morin, discípulo de Galileu (naqueles tempos, as profissões de astrônomo e astrólogo reuniam-se por vezes na mesma pessoa. Morin foi uma das últimas; elaborou o horóscopo do delfim recém-nascido, futuro Luis XIV, mas no reinado deste monarca, foi fundado, em 1667, o Observatório Astronômico de Paris, sinal da mudança do espírito medieval para o moderno).

A CONSTELAÇÃO DO BOIEIRO-BÖOTES

Boötes é uma constelação que fica bem alta no céu na época de outono do hemisfério sul. Atualmente, está visível em São Paulo no comecinho da noite, a meia altura, pros lados do Noroeste. Em português, o Boötes é um boieiro ou pastor.

O seu movimento lento na abóbada celeste, de este para oeste, pode ter sugerido aos nossos antepassados a ideia de um calmo e contemplador pastor, um ceifeiro ou mesmo um condutor de rebanhos. Pois Boieiro é reconhecido por todos estes nomes.Segundo a lenda, Boieiro era um jovem muito sensato e com um grande sentido de dedicação e consciência social. Quando se deparou com a dificuldade em que os habitantes do planeta Terra se encontravam para obter comida, Boieiro decidiu ajudá-los a tornarem-se capazes de se ajudarem a si próprios e construiu o primeiro arado, enviando-o para a Terra. Desde então, os homens conseguiram semear as terras e cultivar o seu próprio alimento, tornando-se auto-suficientes. Devido a este grande benefício, os deuses decidiram recompensá-lo dando-lhe a honra de ser colocado no céu, na posição da Ursa Maior (também conhecida como o Arado).



fonte:portalarcoiris.ning
Agradecemos a inclusão deste blog em seu compartilhamento.
Honre o Divino em você, honrando o Divino nos outros.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...